Tipos de cadeirinha de bebê: saiba como fazer a melhor escolha

6 minutos para ler

A segurança dos pequenos é um assunto inegociável. Conhecer os tipos de cadeirinha de bebê e entender as suas particularidades é essencial para que os pais possam fazer a escolha mais acertada.

Como garantir que o bebê está bem acomodado no carro? Vamos mostrar a você o que é preciso avaliar para fazer a escolha mais acertada. Confira os tipos de cadeirinha de bebê e entenda qual é mais adequado para as suas necessidades.

Qual é a importância de escolher uma boa cadeirinha para bebê?

A cadeirinha de carro para bebê é um equipamento indispensável para a segurança da criança no carro. Até mesmo os pequenos acidentes podem ser fatais, e é muito perigoso para o motorista dirigir enquanto se preocupa com o que está acontecendo no banco de trás.

Por isso, bebê conforto, cadeirinha e o assento elevação são acessórios que fazem com que os passeios de carro sejam mais tranquilos e seguros para adultos e crianças. Os mais variados tipos de cadeirinha de bebê foram pensados para que os pequenos não fiquem soltos no automóvel.

É por essas razões que a escolha de uma boa cadeirinha é essencial. Ao pensar no enxoval do bebê, esse é um dos itens obrigatórios — e até mesmo um dos investimentos mais significativos. Para que o equipamento cumpra o seu papel, ele deve ter qualidade e ser certificado com o selo de segurança do Inmetro, garantindo que o produto cumpre as normas de segurança.

Como essa escolha pode garantir a segurança?

A relação da segurança com a escolha da cadeirinha de bebê pode ser percebida na nova Lei da Cadeirinha, em vigor desde abril de 2021. Conhecer os tipos de cadeirinha de bebê e utilizar o que mais se adéqua à idade da criança e características do automóvel é fundamental para um transporte seguro dos pequenos.

A cadeirinha garante a segurança da criança a partir do momento que:

  • faz com que ela seja posicionada adequadamente no veículo;
  • evita que a criança se solte ou balance no carro, durante a viagem;
  • minimiza impactos no bebê, em caso de acidentes;
  • contribui para uma direção segura, com o adulto focado no trânsito e não na criança.

É por essas razões que o Novo Código de Trânsito Brasileiro inclui crianças de até 10 anos, ou 1,45 m, nas diretrizes para o uso do equipamento. Mas para cada fase da vida da criança existe uma opção mais adequada. Falaremos sobre isso a seguir.

Quais são os principais tipos de cadeirinhas?

As novas recomendações classificam o uso da cadeirinha de bebê em 4 momentos. Entenda a seguir.

  1. recém-nascido: no primeiro ano de vida da criança, o transporte deve acontecer na forma de bebê conforto utilizado no banco traseiro e virado de costas para o banco do passageiro da frente;
  2. 1 a 3 anos: a cadeirinha passa a ser utilizada virada para a frente, no campo de visão do motorista (pelo retrovisor);
  3. 4 a 10 anos: a cadeirinha de bebê dá lugar a um assento de elevação, combinado a cinto de segurança de três pontas.
  4. a partir dos 10 anos, ou após 1,45 m de altura: o equipamento deixa de ter seu uso obrigatório, mas mantém-se a necessidade do uso do cinto de segurança de três pontas.

Conhecer esses direcionamentos ajuda na escolha da melhor opção entre os tipos de cadeirinha e na preparação para a chegada do bebê.

Entre as alternativas de equipamento, existem desde modelos versáteis — que acompanham a criança em todas as suas fases de desenvolvimento (de recém-nascido aos 25 kg). Outra opção são os modelos que podem ser acoplados no carrinho, facilitando muito a dinâmica com um bebê. Explicaremos a seguir.

Bebê conforto

Um dos tipos de cadeirinha de bebê é o bebê conforto. Indicado para os recém-nascidos, ele deve ser instalado apenas no banco de trás do automóvel e pode ser acompanhado por uma base para bebê conforto — facilitando bastante o dia a dia dos pais. É uma alternativa que abraça a criança com todo o cuidado e não pode ser substituída por outra versão que não seja adequada ao tamanho ou peso do neném.

Travel system

Para os que procuram total versatilidade, o modelo travel system (ou sistema de viagem) é uma solução fantástica com diversos tipos de uso. Ideal para os bebês, a versão combina um carrinho com um bebê conforto — em algumas versões, até mesmo uma base veicular.

Para os pais, essa é uma ótima opção, pois permite combinar o bebê conforto com um carrinho de bebê, acoplando o equipamento à base para transporte. Dessa forma, é possível transportar a criança com menor impacto para as sonecas.

Cadeirinha versátil

Os modelos de cadeirinha versáteis são aqueles que podem ser utilizados em várias fases do desenvolvimento do bebê. Ao buscar por um modelo que acompanhe a criança nos primeiros anos de vida, é necessário avaliar se ele pode ser utilizado em posições variadas: de costas para o motorista ou de frente (com ajustes para cinto e cabeça).

Assento de elevação

Quando a criança completa 4 anos de vida, ela já está pronta para andar de carro utilizando um assento de elevação. Ele é necessário para que os pequenos possam viajar com segurança e contar com o apoio do cinto na altura correta. Sem o acessório (também chamado de booster), o risco de a garotada se machucar é alto. O cuidado deve ser respeitado até os 10 anos de idade (ou 1,45m de altura).

Como acertar na escolha da cadeirinha?

Após conferir os tipos de cadeirinha de bebê e compreender como se aplicam em cada uma das fases de desenvolvimento da criança, vale reforçar a importância de investir em produtos de qualidade e que estejam alinhados às normas de segurança. Além disso, separamos mais 3 dicas:

  1. escolha um dispositivo que funcione no principal veículo que será utilizado pela família e busque testar o modelo no automóvel, para avaliar como seria o uso prático;
  2. confira se a cadeirinha de bebê está adequada à faixa etária e peso da criança;
  3. priorize os modelos regulamentados e dê preferência aos que passaram por ensaios dinâmicos (chamados de crash-tests).

A escolha da cadeirinha de bebê deve respeitar a idade, o tamanho e o peso da criança. Por ser um equipamento que pode impactar diretamente a segurança dos pequenos, é preciso prestar bastante atenção à qualidade.

Depois de conhecer os tipos de cadeirinha de bebê, aproveite para seguir as nossas redes sociais (Instagram, Facebook e YouTube) e acompanhar outros conteúdos incríveis!

Posts relacionados

Deixe um comentário